18/05/2022
WEGE3 + CMIN3: resultados do 1T21, desdobramento e números impressionantes

WEGE3 + CMIN3: resultados do 1T21, desdobramento e números impressionantes

Neste domingo, ao invés de uma, eu vou falar sobre duas empresas: CMIN3 e WEGE3.

E, começando pela queridinha de vocês, WEGE3, começo o vídeo explicando porque, mesmo com um resultado muito bom, esses números não foram vistos diretamente na valorização das ações de WEGE3.

A empresa, que fechou o 1T21 com receita líquida de mais de R$ 5 bilhões, considerado muito bom, apresentou queda de 4% nessa semana. Ué, o que aconteceu para as ações caírem mesmo com bons indicadores? Esse resultado bom já era esperado pelo mercado. Por isso, o movimento desta semana não teve muito a ver com a entrega de resultados.

Olhando para essa receita, 46% vem do mercado interno, enquanto o restante vem de fora do Brasil. Isso é ótimo, visto que outros países já estão à frente no controle da pandemia, e podem fazer com WEGE3 não dependa tanto do cenário do nosso país. Além disso, o câmbio favorece, né?! Afinal, as receitas têm boa parte em dólar, moeda que valorizou muito nos últimos meses.

Olhando para outros indicadores, Weg registrou:

Lucro líquido de R$ 764,2 milhões, com crescimento de 33% com o mesmo período do ano passado.

O ROE ficou em 21,98% e uma margem Ebitda de 20%. Já no caixa líquido a empresa tem R$ 908 milhões.

Além da divulgação de resultados, WEGE3 também desdobrou suas ações nessa semana. O desdobramento foi de 1 pra 2, o que pode ter mexido no volume da sua carteira.

Olhando para a relação preço/lucro, esse ativo está em 58x, acima da média histórica dos últimos três anos. Esse fator explica porque as ações não estão avançando como nos últimos dois anos.

Olhando para o futuro, WEGE3 mostrou preocupação com a Covid-19 e o ciclo longo que o Brasil deve atravessar até voltar aos patamares pré-pandemia.

Sobre WEGE3 era isso… Agora, vamos falar sobre CMIN3, mais um ativo muito interessante nos últimos meses de Bolsa, principalmente com a alta das commodities.

Indo direto aos indicadores vemos:

A receita líquida de CMIN3 fechou em R$ 5,47 bilhões, o que foi 234% maior que o mesmo período do ano passado. Isso aconteceu pelo fato do volume de vendas ter ficado 47% maior no período, causado pela alta demanda da China e do mercado interno.

O lucro líquido ficou em R$ 2,36 bilhões, quase 6x maior que o período do ano passado.

A margem líquida fechou em 66,95%, ROE em 45,24% e caixa líquido em R$ 3,7 bilhões.
Um ponto relevante fora dos indicadores de CMIN3 é o fato da empresa fazer investimentos para se tornar cada vez mais ESG. Isso mostra que a empresa também está olhando para o futuro, com horizonte de longo prazo. Fato visto na prática com a descaracterização de algumas barragens de rejeitos.

Bom, esses eram os principais pontos destas duas empresas. E aí, em qual delas você acredita? Deixe sua opinião nos comentários, inscreva-se no canal e eu vejo você numa próxima.

– QUER CORRETAGEM ZERO PARA INVESTIR NA BOLSA DE VALORES? ABRA SUA CONTA NA CLEAR: https://bit.ly/3vzt30G

– Quer desconto nas assinaturas do TRADEMAP? Saca só esses cupons!
Use CARAVELADABEA para qualquer plano!
Link: https://trademap.com.br/planos/

– Quer receber os melhores relatórios sobre o mercado financeiro? Assine a LEVANTE INVESTIMENTOS! Utilizando o cupom BEA15 você garante 15% de desconto. Acesse aqui: https://levanteideias.com.br/series/

SIGA-ME NAS REDES SOCIAIS!
INSTAGRAM: https://www.instagram.com/bea_aguillar/
TWITTER: https://twitter.com/bea_aguillar
TELEGRAM: https://t.me/listavipdabea

Eu sou Bea Aguillar, analista CNPI, investidora e educadora financeira e se você quiser ajudar o canal Papo de Bolsa a crescer, atingindo mais pessoas com nosso conteúdo sobre o mercado financeiro, então INSCREVA-SE, DEIXE O SEU LIKE E COMPARTILHE ESSE CONTEÚDO FEITO COM MUITA DEDICAÇÃO PARA VOCÊS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gosta do Portal Tradesman? Por favor, compartilhe com seus amigos!